terça-feira, 7 de abril de 2009

"Diante da palavra III"



A fala avança no escuro.
O espaço não se estende mas se escuta.
Pela fala, a matéria está aberta, crivada de palavras;
O real ali se desdobra.
O espaço não é o lugar dos corpos; ele não nos serve de apoio.
A linguagem o carrega agora diante de nós e em nós,
visível e oferecido, tenso, apresentado, aberto pelo drama
do tempo no qual estamos com ele suspensos.
O que há de mais bonito na linguagem é que passamos com ela.
Tudo isso não é dito pelas ciências comunicativas mas nós
sabemos muito bem disso com nossas mãos na noite:
que a linguagem é o lugar do aparecimento do espaço.


(Valère Novarina)

4 comentários:

Samuel disse...

Achei fantastico esse conjunto de posts... "Diante da palavra" vc me colocou diante de um conceito que por vezes eu desconheço e passo por cima ignorando o poder que a palavra tem....
"falar é antes abrir a boca e atacar o mundo com ela, saber morder." isso é o que se faz com as palavras, isso é o mais sincero e bonito que podemos fazer com elas... e aqui, lendo o teu blog eu considero que amadureço meu conceito de palavra, meu conceito de falar!

betina moraes disse...

madame,

você está sempre certa!


um beijo!

Chiquinha Chicória disse...

Samuel,


Que bom ler suas palavras.

Na verdade, não sou eu quem faz isso e sim, Novarina, o autor dos textos.
Eu só o estou compartilhando.

Estudo sobre a palavra exatamente porque ela, em mim, é motivo de amor e ódio para as pessoas. Deve haver algum enigma aí.

De toda forma, dar valor às palavras ou, melhor dizendo, à fala, acho que é uma coisa bacana.

Só ainda não sei se "dar valor" é comedí-las para as horas apropriadas (como andam me pedindo os intelectuais sabedores de tudo) ou entender que elas abrem "fendas" no espaço e comer o mundo sem desperdício de acontecimento.


Colocarei mais trechos em breve.


Forte abraço.


Betina minha,

a Madame agradece.

Beijo amoroso.

victoria disse...

Gracias madame por compartir este blog lleno de bellas imágenes y cariño en comentarios..Besos Victoria.España