domingo, 29 de agosto de 2010

Gigante cheia de sol



...E eu abracei grande a pedra quente, de frente. 
Ela respirou em mim sua presença maciça... 
...E inundou os meus olhos com a voz do meu pai. 

2 comentários:

CAROLINA CAETANO disse...

Você me deu um domingo agora.

Sylvio de Alencar. disse...

Deliciosa sensação.